Booking.com

Os sabores e aromas da Amazônia - O que comer?

Com um patrimônio culinário invejável de raízes indígenas a Amazônia é uma surpresa para qualquer turista, e pelo o que vi, até para os locais. A única coisa que tinha certeza nesta viagem era que provaria os peixes, pois, amo! Os outros pratos seriam consequência.
O que comer em Manaus? Vou apresentar aqui "quase" tudo que provei!
Para minha alegria passei o primeiro dia da viagem na casa de uma amiga que preparou logo de cara um tambaqui frito, peixe médio/grande (o maior encontrado, no Rio Solimões, tinha 1,14 metros e 44 quilos) com poucas espinhas de carne branca e saborosa, uma delícia e no café da manhã tapioca de queijo coalho! Mas isso foi só o começo...
Vocês sabem que gosto de comer, mas quando viajo, esta vontade aumenta, hehehe
São muitos sabores e novidades, meu paladar agradece! Confesso que não decorei o nome de tudo, mas que comi, comi!

Encontrar cupuaçu (fruta típica) durante uma trilha na floresta amazônica, abrir e comer, não tem preço!
Que delícia!


Mousse de tapioca da pousada Mamori
 Posso repetir?

Banana Frita Crocante
(R$2)

Presente em todos os lugares, até em carrocinha de pipoca!
As comuns são as salgadas e caramelizadas (doces), a caramelizada pode ser degustada com iogurte, tipo um cereal! Hum...

Vai um Tacacá?
(R$17)

Então, o Tacacá...
As perguntas quando pedi um foram: - Tradicional? Com muita goma ou pouca goma?
Aí você faz aquela cara de "Putz, por qual motivo não li mais sobre isto? E agora?" 

Me vê o tradicional, com pouca goma por favor?

Tacacá, é um caldo, com camarões grandes, Tucupi (sumo da mandioca), folhas de Jambu (erva típica, dela que vem a leve ardência) chicória do pará e goma(de tapioca), arde um pouco a língua, sei lá, fica meio dormente e é azedinho. Come-se os camarões com estes palitinhos e bebe-se o caldo. Se amei? Não! Mas valeu a experiência gastronômica.
Este comprei no único quiosque que vende Tacacá na orla de Ponta Negra. 

Farofa de camarões

A farinha local é grossa, gente, grossa mesmo e durinha!
Vem caprichada no camarão, mas coma com cuidado, se tiver problemas nos dentes, fica bem difícil. Eu não consegui comer tudo, pois, enche muito rápido, e olha que não deixo comida!

Vale provar os dois juntos, bebe o tacacá e uma colher de farofa, hehehe, assim não fica tão seco...
(R$30, os dois) 

Bolinho capitão feito com a cabeça de Tambaqui , aprovado! Com pimenta local melhor ainda!
(R$17, 6 unidades)


Este bolinho comprei em um restaurante que fica ao lado esquerdo do Teatro Amazonas, Tambaqui de Banda, fica lotado, possui bons preços e boa comida.

Neste quadro, no restaurante Tambaqui, os turistas espetam com um alfinete o local de onde vieram.

Peixada!
Xiiii acabou! Este comi na linda Pousada Mamori, vou fazer um post sobre minha passagem por lá!

Você sabe o que é isto?

É bem famoso, faz muito bem a saúde! Conto no próximo post! hahaha
Quem souber...coloca nos comentários abaixo! :-)


Caldo de piranha, amei!

Picolé de Buriti na Glacial (R$2,50)

Comprei em frente ao Teatro Amazonas, em uma sorveteria famosa e barata, Glacial, vale muito a pena, existem vários sabores, frutas que nunca ouvi falar! Depois escrevo sobre os arredores do lindo teatro e mostro as fotografias.

Este picolé é de...
Tapioca!


Bola (Bôla)

Este salgado, é uma espécie de "bolo salgado de forno" local, é massudo mas bem bom! Parece muito com o bolo de sardinha em lata de forno que minha vó faz! humm
Também comi na pousada Mamori.

E mais tapioca, não tem como enjoar!

No prato da direita, tapioca recheada com banana, esta banana ganhei de um amigo que fizemos na pousada!

Neste café da manhã, tapioca, misto quente, bolinho de chuva, pão de queijo cremoso por dentro, (vi vendendo nas padarias da cidade) e bolo de banana com castanha do pará.


As barraquinhas são lindas devido as cores das frutas, legumes e especiarias.

Deu vontade de comprar e provar tudo! Ah, esqueci o nome de alguns sucos que bebi, gente, é muita fruta!!! E tem hora que você está curtindo e acaba não anotando.


Sacolé de Cupuaçu por R$1

Me vende uma dúzia por gentileza? Aí você lembra que está na rua com mochilas, que derrete e que só tem uma mão livre. Argh!

Pacu frito (primo da piranha)
Pousada Mamori

O Pacu tem muitas espinhas pequenas e pouca carne, então, tem que comer com cuidado, achei melhor comer como um petisco.

Refrigerante Baré

Baré Luana? É uma marca local?
Não pasmem, o refrigerante baré é da marca Antártica, mas só é vendido lá, pode?
Não sou de beber "refri", nunca fui, mas é claro que provei, como não tinha o pequeno, comprei de 2 litros mesmo. É tipo o nosso guaraná só que mais concentrado.

Depois de 5 dias de peixe...

Filé de carne com frutas empanadas (banana e abacaxi), fritas e arroz (R$55), prato bem servido para duas pessoas e em conta, indico, o restaurante e pizzaria Scarola, possui ar condicionado, simples e ótimo atendimento, possui buffet a quilo. Fica na esquina da Rua 10 de Julho, 739, próximo ao teatro amazonas, Centro/Manaus.

Bombons de frutas local
Os azedinhos são os melhores!!!!! 

Esta loja de chocolates está presente nos principais shoppings da cidade, trouxe alguns para dar de lembrança.

Brigadeiros gourmet da Brigadore

Pra terminar, um cappuccino (R$6) e uma sobremesa que perturba muita gente, o brigadeiro!
Mami amou a loja Brigadore, garota propaganda, tive que colocar!

Foto Brigadore
A loja é linda e tentadora, fica no Manauara Shopping.

Comi também o bolo de rolo de chocolate com cupuaçu, no Manauara shopping, delicioso, vale provar.
Em uma carrocinha de rua no Centro de Manaus, provei a Canjica por R$2! (Canjica não!!!! É Mungunzá!).
Fato curioso foi que vi canjica e pedi canjica, mas o vendedor disse que não tinha.
Aí falei," mas moço, isso é canjica!!! "
Ele sorriu e me explicou que canjica lá é outra coisa. Confusões culturais a parte, a canjica que na verdade era mungunzá, estava uma delícia, vendido em copo grande e com leite condensado, pena que não tirei foto!
Por isso que digo, quem viaja é mais esperto! Aprende na prática, hehehe
Será que engordei? Andei tanto nesta viagem que acho que até emagreci!
*Todos os preços colocados nesta postagem são de Março/2015.

Até a próxima comilões! Ops, viajantes!


7 comentários:

Isabel Almeida disse...

Por isso q eu digo. Qnd viajamos temos q jogar nossa dieta no lixo. Viajar e ñ provar a culinária local é um pecado!

Luana Prazeires disse...

Verdade Isa!
Bjao

Anônimo disse...

Ufaaaaa me deu até fome das comidinhas daki...depois de 8 dias só na comida holandesa, quero um tambaqui já! Kkkkkk
Tyta

Luana Prazeires disse...

Kkkk amei amiga! Quero seu tambaqui!
Você está muito Phyna!

LUCIA HELENA disse...

Estou feliz por ter participado desta viajem ,com minha filha Luana ! Um sonho q realizado . Maravilhoso ..... bjs Deus t abençoe .

Camila Faria disse...

Hummmmmm bombom de cupuaçu é tudo de bom!! EU comi alguns pratos do Pará quando estive em Carajás, em 2005. Dez anos e já nem me lembro o que exatamente, mas era tudo muito bom. Até o açaí era melhor! Vou anotar as suas dicas. =D

Camillo disse...

Aquela foto é de uma beterraba gigante?